26 de novembro de 2012

Novos meios de comunicação com o cliente

ANTONIEL MARRACHINE LORDELO
Empresário/lojista e presidente da Ablac - Associação Brasileira de Lojistas de Artefatos e Calçados


A mudança dos hábitos de compra do consumidor impõe ao varejo a adoção de novas formas de comunicação com ele. Mídias sociais, publicidade dirigida e revistas customizadas, por exemplo, são canais cada vez mais utilizados pelas lojas para apresentar ao mercado seus atrativos, como novos produtos, campanhas de vendas, promoções especiais e condições de pagamento, entre outras.

Cada um destes meios tem seu público e suas vantagens. Facebook, Instagram e Twitter possibilitam uma comunicação instantânea com uma parcela do público – jovem, especialmente - e a obtenção de resultados imediatos, envolvendo, sobretudo, a chegada de novos produtos ou ações rápidas de vendas.

A publicidade dirigida, que foge aos padrões tradicionais, relaciona-se a datas ou produtos específicos e, quase sempre, também pretende obter uma reação imediata por parte dos compradores. As revistas customizadas, ao contrário, são atemporais, atingem uma parcela de consumidores que gosta de ler e oportunizam informações úteis à vida das pessoas, que possam traduzir-se em bem-estar pessoal, profissional e familiar.

Assertividade
Seguindo o exemplo de indústrias que já publicam suas próprias revistas (para mostrar as diferentes possibilidades de uso de seus produtos), lojas de calçados passam a fazer uso deste meio impresso para proporcionar aos clientes experiências de leitura agradáveis sobre moda, comportamento, carreira, bem-estar, cultura e outras áreas. Mais do que promover vendas, elas buscam com as revistas exclusivas promover sua imagem institucional, associando a experiências positivas.

Acreditamos que estas iniciativas, realizadas com o apoio de fornecedores ou com recursos próprios, são excelentes meios de diferenciação das lojas e de estímulo aos negócios. O marketing deve proporcionar o uso de ferramentas multicanais e criar uma atmosfera positiva ao negócio. Nos dias atuais, apenas vender não basta ao varejo e apenas comprar não interessa ao consumidor. Ele quer um relacionamento sólido com a loja, com experiências memoráveis e a certeza de que ela pode lhe ser útil muito além da oferta de produtos. Cabe a cada lojista saber diferenciar-se da multidão, escolhendo os melhores canais para investir e divulgar sua marca. Pra isso, o varejista deve ter em mente que é um vendedor de serviços, não de produtos, coisas que todos têm.

 

http://couroportal.couromoda.com/noticias/ler/novos-meios-de-comunicacao-com-o-cliente