26 de novembro de 2012

Vitrine de Dia dos Pais: fora do padrão

JEFF MACHADO COSTA
Especialista em visual merchandising, produtor e diretor artístico


Inusitado, toque de ousadia, atmosfera provocativa, contrastes antimonotonia: fuja de esteriótipos para quebrar paradigmas e montar sua vitrine nada convencional para o Dia dos Pais. Vanguarda e nostalgia compõem os ambientes de vitrines que buscam o impacto visual, a irreverência sem ofuscar o produto e descaracterizar o conceito da loja ou marca. Dessa vez, vou apresentar sugestões como peças de um quebra-cabeça que pode ser completado de diferentes formas, pois a proposta de hoje é dar o que falar. Aliás, quem é normal? Ou melhor, o que é ser normal? Vem comigo e se joga! 
 
Imortal: manequins preto fosco com cabeça oval estão em alta. Marrom fosco e caramelo também são opções. Cuidado ao forrar manequins com tecidos: na maioria das vezes não funciona para comércio de roupas, apenas acessórios. Manequins com braços precisam ter mãos!

Luz do meu caminho: iluminação é tudo! Invista num lustre poderoso, pendentes que acendem, pontos de luz. Não se esqueça de focar no produto e não nos objetos de decoração que estão ali apenas fazendo figuração.

Pano de fundo: este é o momento dos papéis de parede, de forrar cubos, o chão. Tecidos como veludos são muito chique. Nunca forre parede, chão, cubos, suportes ou pedestais com o tecido, material ou cor usada nas peças da coleção, pois desvaloriza a essência e importância do produto. Grafismos e estampas geométricas são bem-vindo somente se os desenhos forem minúsculos. A imagem em evidência deve ser sempre de sua mercadoria!

Mix de texturas: couro, pele e madeira formam a combinação perfeita. Madeiras em tons escuros e brilhosos dão um ar de nobreza. Peles no chão para calçados não funciona. Couro caramelo é eterno!

Cores de Almodóvar: aposte no colorido vintage do laranja, roxo, amarelo gema ou ouro velho. O tempo está aberto para os azuis: azul-petróleo, azul-royal e azul-piscina. Verde-esmeralda e verde-azeitona são versáteis e imprimem diferentes significados. Substitua o preto por marrom-terra. Os tons escuros não são sinônimos de tristeza.

Para sempre retrô: proponha uma parceria com um antiquário. Alugue móveis e objetos através de permuta por mercadorias de sua loja, assim você não precisa adquirir elementos cênicos com custo alto e estará sempre renovando seu ambiente. Para calçados, bolsas e acessórios, use pedestais antigos de parede, todos iguais ou diferentes - nunca apenas dois tipos, no mínimo quatro modelos. Pares de sapatos e bolsas dentro de gaiolas antigas ou rústicas suspensas, penduradas na parede e pelo chão em diferentes alturas ficam interessantes.



Busque sempre amplitude: transforme sua vitrine numa instalação que provoque o diálogo entre mercadoria e consumidor. Tire o papai da lembrança e mostre que ele continua sempre presente nos momentos da vida que exigem mais atenção. Talvez você seja mais parecido com ele do que você imagina. Resignifique seu passado. Viva a vida!

http://couroportal.couromoda.com/noticias/ler/vitrine-de-dia-dos-pais-fora-do-padrao